SUPERAÇÃO – Capitão do Penta Cafu foi Rejeitado em 8 Peneiras

Cafú – Aquele dia certamente marcou minha vida!

 

O mundo inteiro viu, o mundo inteiro se lembra, o pequeno palco era destinado ao troféu, mas eu fiz dele um palanque subi e ergui o troféu acima da cabeça, acima de tudo e de todos pode parecer um milagre e eu sei que muitos pensam assim. Um garoto pobre tentando carreira profissional no futebol rejeitado várias vezes por vários clubes, zombado tantas outras pelos que achavam que eu não tinha chance, que não leva jeito mas os anos vieram e os anos se foram.

Eu consegui, cheguei lá, alcancei o reconhecimento e o sucesso. Naquele dia estava eu lá erguendo a taça do mundo e sei que não foi um milagre, por mais que tenha sido abençoado sei que preciso muita persistência, muita luta, muita garra, muita força de vontade, muita tenacidade para ser o capitão do penta Eu sou Cafú Eu fui criado em uma favela oriundo de uma família pobre Rolar uma bola nos pés era o que eu mais gostava

Não tinha mas sonhava, eu sonhava grande. Não podia mas queria, eu queria muito. Aos sete anos de idade consegui participar de uma academia de futebol também joguei futsal por dois anos.

Eu me lembro que após os 10 anos de idade eu tentei integrar o time juvenil de vários clubes mas sem êxito fui rejeitado várias vezes, mas eu não desisti.

A luta foi longa e renhida Somente lá pelos 18 anos foi que consegui finalmente uma oportunidade, integrei o time juvenil do São Paulo e ganhamos o torneio juvenil naquele ano, mas não joguei na temporada seguinte, estava mesmo difícil me firmar no futebol.

Foi então que o treinador percebeu meu potencial

Ele deu algumas boas sugestões, mudou meu campo de atuação, e deu certo. Acabei por integrar a equipe principal do São Paulo e o sucesso começou a aparecer.

Em quatro anos ganhei dez campeonatos com o time, fui convocado algumas vezes para compor a seleção brasileira, em 1994 e aos 24 anos fui convocado para a Copa do Mundo, disputei a final daquele campeonato, e nos sagramos campeões. Nos anos a frente o sucesso continuou Tanto no Brasil como na Europa

Joguei em vários times e cheguei a conquistar cerca de 30 títulos nacionais e internacionais. Também fui contemplado com cerca de 20 prêmios individuais, incluindo o de melhor lateral direito do mundo.

Em 1998, disputei minha segunda Copa do Mundo, mas não repetimos a alegria da copa anterior. Em 2002 eu estava novamente lá integrando a seleção, essa vez tivemos a desmedida alegria de conquistar o penta campeonato mundial

Parecia um sonho, parecia um milagre do ponto de vista de alguns.

O garoto criado na favela, oito vezes rejeitado pelas peneiras de vários times, era agora o capitão da seleção brasileira.

Levantava agora a taça do mundo, não podia querer mais do que isso, eu era capitão pentacampeão. 

Cafú alcançou marcas que talvez jamais serão alcançadas ele ainda disputou a copa do mundo de 2006 na sua quarta participação.

Cafu é o único jogador que disputou a final de três Copas do Mundo consecutivas.

É o jogador brasileiro que mais vestiu a camisa da seleção brasileira em Copas do Mundo, 20 vezes.

É o jogador que mais vestiu a camisa da seleção brasileira na história, 149 vezes.

Ele também é recordista mundial em número de vitórias em Copas, 16 vitórias.

É considerado um dos maiores laterais direitos da história do futebol

Seu estilo de jogo e seus cruzamentos precisos serão eternamente lembrados

E de onde saiu Cafú?

Do ambiente mais improvável, de uma infância desacreditada, de uma condição sem condições Imagine uma, duas, três, quatro, cinco, seis, sete, oito vezes reprovados nas peneiras de clubes logo no início da carreira é desanimador não é?

Não para Cafú o exemplo de perseverança, o exemplo de luta, de garra, de força aplicada para vencer todos os obstáculos. O exemplo de quem não via os obstáculos, apenas os objetivos.

Cafú entendeu que podia, e pode. Entendeu que era capaz e foi, então você também pode, então você também é capaz. Não interessa o que os outros pensam, encara o desafio, avance você também

Feche os olhos aos obstáculos, mire os objetivos, e você também vai vencer, você também vai ser sucesso, você também vai ser campeão, você também pode mudar o rumo dos acontecimentos.

Pode provar errada opinião dos outros mas aprenda com Cafu, O capitão do Penta 

 

Summary
Review Date
Reviewed Item
Cafu O Capitão do Penta
Author Rating
51star1star1star1star1star

Você pode gostar...